Os sorvetes artesanais da Saborella

Quem mora em Brasília e ama um gelato, certamente já ouviu falar da Saborella, a sorveteria mais premiada da cidade. São mais de vinte anos produzindo sorvetes artesanais com base na tradição italiana. A casa utiliza ingredientes frescos em seus mais de vinte sabores, alguns sazonais, como os de pinha, tangerina, jabuticaba e bacuri. A qualidade é indiscutível. Confesso que frequento a loja menos do que gostaria porque ela fica um pouco longe de mim.

Os cupcakes da Oui

Cupcake é um doce com um nível de fofura pura! Receita de sucesso nos Estados Unidos, chegou aqui há alguns anos e ficou. No Brasil, ganhou novos recheios e topos, bem mais gostosos do que glacê e buttercream. Não gosto desses cupcakes americanos, muito açucarados, mas o da Oui Cupcakes é bem diferente. Foi só dar a primeira mordida para querer experimentar os outros sabores.

O brownie de chocolate da La Boulangerie

Se tem uma padaria da qual sou fã há anos é a La Boulangerie. Desde que eles tinham uma pequena loja na 106 Sul – que se reinventou na quadra acima (306 Sul) –, compramos brownies, croissants, pães, entre outros produtos incríveis. As delícias do chef Guillaume Petitgas nos lembram Paris e seus cafés maravilhosos. Se você ainda não conhece a cidade luz, dê um pulo nessa padaria: garanto que seus sonhos gastronômicos franceses se tornarão realidade por alguns minutos.

Manolo, o alfajor brasiliense

Conheci o Alfajor Manolo há alguns meses em um encontro da empresa com vários instafoods na Belini Café. Na ocasião, nós pudemos conferir o lançamento do Manolito, a versão mini do alfajor convencional da marca.

Eu me rendi ao produto. Tommy e Josefina, proprietários do Alfajor Manolo, realizaram minha vontade de comer um doce típico argentino úmido e cremoso. Nada seco e quebradiço como aquele da marca líder de mercado. Só por isso já merecem meu reconhecimento sobre o produto. Mas, além de tudo, o alfajor é bem recheado e sua cobertura é de chocolate meio amargo, que ajuda a contrastar com a doçura do doce de leite.

A torta da Doce Alemã

O melhor de ter o perfil Clube da Sobremesa no Instagram é conhecer pessoas e empresas que trabalham com amor. Foi por lá que conheci A Doce Alemã. Comecei a seguir o ig por causa das tortas alemãs fotografadas de um jeito belo e harmônico. Daí foi um pulo para eu me apaixonar pelo capricho das tortas e pelas caixas e toppers customizados.